Dicas para otimizar o uso do meu para-brisas

Dicas para otimizar o uso do meu para-brisas

É preciso estar com o vidro frontal sempre bem limpo

Quando o tempo fecha e aparecem aquelas nuvens pretas, é preciso estar bastante atento a alguns acessórios indispensáveis no seu carro. Por exemplo, você tem aquele Prisma em Curitiba, e a chuva começou, você vai precisar do seu limpador de para-brisas.

Esse sistema de limpador de para-brisas parece ser muito simples, e nem sempre ele recebe a atenção necessária para o seu bom funcionamento.

É preciso regularmente verificar o nível da água no reservatório, a condição das palhetas e se o motor está em boas condições de uso.

Mas afinal, você sabe como otimizar o uso do seu para-brisas e não passar apuros quando a tempestade cai, seja na cidade ou na estrada?

Separamos algumas dicas fundamentais para o bom funcionamento desse sistema e para evitar que você tenha problemas na hora da direção. É preciso saber que com ou sem chuva o para-brisas tem que estar limpo.

 

Como limpar o para-brisas?

Esse é o maior vidro do carro. É mais grosso e a linha de frente do veículo. Todas as sujeiras, insetos e plantas que passarem pelo automóvel ficam acumuladas nesse vidro.

E por isso mesmo, ele precisa ser constantemente limpo, para evitar que tudo se torne um obstáculo que impeça ou prejudique a visão do motorista.

É preciso, ao menos, a cada semana fazer uma boa lavagem no veículo e esfregar com uma vassoura macia o para-brisas.

Além disso, em lojas especializadas podem ser encontrados produtos específicos que são colocados na água do reservatório e auxiliam na limpeza e impede que a sujeira fique acumulada no vidro da frente do carro.

Os melhores produtos são aqueles que deixam a água e o para-brisas cada vez mais transparentes.

Um dos efeitos que mais podem ser percebidos com o uso desses produtos é que o vidro não embaça com tanta facilidade.

Semanalmente, após a lavagem do veículo também é possível borrifar o produto diretamente no para-brisas e esfregar com um pano ou flanela para que a sujeira ou restos de insetos não se acumulem e concentre manchas no vidro do carro.

 

Parece loucura, mas uma batata pode resolver!

Se você esqueceu de verificar a água do reservatório e não está conseguindo limpar seu para-brisas, uma dica muito interessante é usar uma batata para limpar o vidro.

Corte a batata ao meio e esfregue pelo vidro, tanto pelo lado de dentro quanto pelo lado de fora. A batata não risca o vidro, deixa algumas manchas brancas do líquido do alimento, mas depois que secar, é só preciso passar um pano seco e tudo fica perfeito!

Depois disso, pegue estrada, chuva e não se preocupe. A batata mantém a limpeza e impede que o para-brisas embace na hora que começa a chuva.

 

Lembre-se do ar condicionado

Se você tem ar condicionado no seu veículo, provavelmente não precisará se preocupar com o vidro embaçando quando está dirigindo. Ligue o ar e mova a saída para cima, além de apertar seu desembaçador.

Com certeza em pouco minutos tudo estará resolvido. Mas lembre-se, se houver sujeira acumula no seu vidro ela ficará mais latente e pode provocar pontos de manchas que complicam a visão do motorista.

 

Limpador de para-brisas

Não adianta nada se você manter a limpeza do vidro em dia e as palhetas não estiverem funcionando. Com certeza, na hora da chuva pesada o motorista não conseguirá enxergar nada.

Portanto, se você deixou um Onix a venda, por exemplo, lembre-se de verificar o estado dos limpadores e o nível de água no reservatório.

Lembre-se que é necessário verificar semanalmente se as palhetas não estão endurecidas ou sem aderência. Faça regularmente a troca das palhetas para manter em pleno funcionamento. Se o motor começar a trabalhar com dificuldade e não mantiver o ritmo da passada da palheta no vidro, faça a troca do motor que faz o funcionamento do sistema.

Na hora que for fazer a troca de palhetas, lembre-se que o braço precisa estar a 70 em relação a vertical. Não é difícil troca, é só soltar as presilhas e retirar os antigos substituindo pelos novos.

 

O reservatório de água

Crie o hábito de verificar semanalmente o nível de água do reservatório do limpador de para-brisas do carro. Não importa o carro, se é zero quilômetro ou um Hb20 usado, todos precisam dessa verificação.

Complete com água, e não use o antigo detergente. Use produtos específicos para manter a limpeza e impedir que sujeiras fiquem acumuladas no vidro do carro.

Essa mistura é um mito, hoje está comprovado que detergente pode manchar a pintura do veículo e ainda deixar a borracha da palheta do limpador seca e endurecida.

 

Limpe os vidros do carro

Quanto mais tempo o seu carro fica parado, mas ele acumula sujeira. Na hora de lavar os vidros, tem uma dica importante que é usada por gerações para limpar o para-brisas do carro.

Passar jornal molhado com álcool ajuda a tirar manchas e não embaçar o vidro do carro. Isso é muito utilizado para limpar os vidros da casa, e foi transferido para os veículos.

É fácil! Basta pegar um jornal e dobrar, molhar com bastante álcool e depois que lavar e secar os vidros do carro pode passar o jornal.

É preciso passar em toda a extensão do vidro e esfregar até que as possíveis manchas que apareçam sejam retiradas. Depois você poderá passar um pano seco para finalizar a limpeza.

Na hora da chuva, o vidro do carro tende a embaçar mesmo e se não tiver sujeira, mas se estiverem bem limpos, isso passará rapidamente e não causará problemas para o motorista.

É preciso estar bem atento ao para-brisas, porque se o motorista tiver dificuldades na visibilidade isso pode causar acidentes graves.

Gostou desse artigo sobre como otimizar o uso do para-brisas e manter o vidro bem limpo? Então compartilhe com os seus amigos essas dicas através das suas redes sociais. Afinal, quem nunca teve problemas na hora da chuva? É preciso prestar bastante atenção no para-brisas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Call Now

Open chat
Powered by